São Paulo, SP, 19/11/2019
 
20/09/2016 - 12h45m

Alta mais lenta dos alimentos reduz impacto da inflação em São Paulo, aponta pesquisa

Agência Brasil/Marli Moreira  

São Paulo - O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), na cidade de São Paulo, voltou a desacelerar na segunda prévia de setembro, ao passar de 0,05% para 0,01%. Além de um recuo em três dos sete grupos de despesas, caiu o ritmo de correção dos alimentos. No grupo alimentação, o índice passou de 0,55% para 0,06%.

Em habitação, houve queda de 0,40% ante uma redução de 0,13%, na primeira prévia. O grupo despesas pessoais se manteve em baixa, mas em velocidade mais lenta (de -0,47% para -0,19%). Já em educação, o índice mostra uma diminuição mais forte do que na pesquisa anterior (de -0,02% para -0,12%).

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro