São Paulo, SP, 18/06/2019
 
16/03/2016 - 13h35m

Artigo 74 - Dia Mulher e campanha preventiva sobre câncer de pele

Agência Hoje/Dra. Silvia Regina Graziani 

São Paulo - Neste ano mais uma vez ocorreu o evento em comemoração ao dia Internacional da Mulher no mês de março e elaborado com a participação direta das pacientes de Oncologia do Centro Medico São Gabriel, na manhã do dia 13 de março de 2016 deu início a Campanha de Cosncientização da Prevenção do Câncer de Pele.

Este ano com a cor lilás, as pacientes se reuniram e tiveram uma palestra de orientação sobre prevenção do Câncer de Pele, uma vez que a incidência deste tumor tem aumentado muito. Este ano, o Ministério da Saúde lançou várias campanhas de conscientização da prevenção deste tumor, já que esta doença tem prevenção e depende muito das pessoas terem ciência deste fato para tomar os devidos cuidados.

A palestra foi ministrada pelo Oncologista Dr. Nelson Aquino de Carvalho com a participação intensa das participantes, onde foram abordados os temas de risco do câncer de pele como:

- Fatores relacionados ao estilo de vida:

- Hábito de usar filtro solar antes de sair de casa e se expor ao sol

- Hábito de exposição ao sol em horários não recomendados como das 10h às 16h, onde a radiação solar é mais nociva.

Alguns alterações na pele são sinais de alerta

- Pequenas manchas avermelhadas ou acastanhadas de crescimento lento;

- Pintas que mudam de cor ou formato;

- Feridas que não cicatrizam.

Dicas de prevenção

A Sociedade Brasileira de Dermatologia recomenda que as seguintes medidas de proteção sejam adotadas:

• Usar chapéus, camisetas e protetores solares;

• Evitar a exposição solar e permanecer na sombra entre 10 e 16h (horário de verão);

• Na praia ou na piscina, usar barracas feitas de algodão ou lona, que absorvem 50% da radiação ultravioleta. As barracas de nylon formam uma barreira pouco confiável: 95% dos raios UV ultrapassam o material;

• Usar filtros solares diariamente, e não somente em horários de lazer ou diversão.Utilizar um produto que proteja contra radiação UVA e UVB e tenha um fator de proteção solar (FPS) 30, no mínimo. Reaplicar o produto a cada duas horas ou menos, nas atividades de lazer ao ar livre. Ao utilizar o produto no dia-a-dia, aplicar uma boa quantidade pela manhã e reaplicar antes de sair para o almoço;

• Observar regularmente a própria pele, a procura de pintas ou manchas suspeitas;

• Consultar um dermatologista uma vez ao ano, no mínimo, para um exame completo;

• Manter bebês e crianças protegidos do sol. Filtros solares podem ser usados a partir dos seis meses;

*Essas medidas devem ser tomadas em todas as estações do ano, exceto nos dias de chuva.

As imagens abaixo que podem dar alerta nas lesões de pele sugestivas de Melanoma.

Durante o evento foram distribuídos Kits com filtro solar e hidratante, os quais forma doados pelo Programa GENteorienta desenvolvido pela Merk para orientação de pacientes oncológicos para cuidados com a pele.

Fontes Pesquisadas

www.anvisa.gov.br/cosmeticos/cscos/

www.sbd.org.br/.

www2.inca.gov.br/...programas

* A Dra. Silvia Regina Graziani, CRM 56925, é Medica Oncologista Clinica, com título de especialista em Cancerologia (1992). Residência Médica: Hospital do Câncer A. C. Camargo. Mestrado e Doutorado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Médica do Instituto do Câncer Arnaldo Vieira de Carvalho – IAVC, São Paulo.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro