São Paulo, SP, 17/06/2019
 
27/07/2016 - 14h25m

Até agora, 82% das moedas dos Jogos do Rio foram vendidas

Agência Brasil/Kelly Oliveira  
Agência Brasil/Arquivo
Mais de 80% das moedas dos Jogos Olímpicos foram vendidas 30 dias após lançamento
Mais de 80% das moedas dos Jogos Olímpicos foram vendidas 30 dias após lançamento

Brasília - O Banco Central (BC) informou que já foram vendidas 82,5% das 187 mil moedas especiais para colecionadores comemorativas dos Jogos Olímpicos. Desse total, três modelos já estão esgotados: Ouro – Corrida de 100 metros, Prata – Teatro Municipal e Prata – Borboleta da Praia.

As tiragens máximas autorizadas foram 5 mil de cada um dos quatro modelos de ouro, 25 mil de cada um dos 16 modelos de prata e 20 milhões de cada uma das 16 moedas de circulação comum de R$ 1. Do total das moedas de circulação comum, 10 mil de cada foram separadas para serem vendidas em cartelas.

Estão em circulação no país mais de 274 milhões de moedas de R$ 1 comemorativas da Olimpíada. Essas moedas começaram a circular em 28 de novembro de 2014, quando foi lançado o primeiro lote. O quarto e último conjunto de moedas comemorativas dos Jogos Rio 2016 foi lançado em fevereiro deste ano.

Onde comprar

No início deste mês, o BC assinou um acordo de cooperação com a Casa da Moeda do Brasil para ampliação dos canais de venda de moedas comemorativas dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, tanto pela internet quando em lojas físicas.

Desde o dia 9, as moedas estão disponíveis para venda na loja oficial dos Jogos Rio 2016, na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro. Uma segunda loja física na Vila Olímpica deverá vender as moedas a partir de agosto até o término dos jogos.

A Casa da Moeda do Brasil também comercializa as moedas comemorativas por meio do site do Clube da Medalha do Brasil e as compras podem ser feitas por boleto bancário, cartão de crédito ou débito.

As moedas também podem ser adquiridas no site do Banco do Brasil por meio de boleto bancário ou, no caso de correntistas do BB, débito em conta. As moedas também estão à venda em algumas agências do Banco do Brasil, onde o pagamento deve ser feito em dinheiro.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro