São Paulo, SP, 19/09/2019
 
24/02/2016 - 09h19m

Bioinseticida que mata larvas do Aedes está em fase final de teste

Portal EBC 
Divulgação/Embrapa
Produto desenvolvido pela Embrapa deverá chegar ao mercado em dois meses
Produto desenvolvido pela Embrapa deverá chegar ao mercado em dois meses

Brasília - A Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia realiza os últimos testes toxicológicos de um bioinseticida capaz de matar as larvas do mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue, febre Chikungunya e Zica vírus.

Em entrevista ao programa Revista Brasil, a pesquisadora da Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia, Rose Monnerat, esclarece que bioinseticida é um produto biológico, a base de uma bactéria que mata a larva do Aedes aegypti.

“Nos temos na Embrapa uma coleção de bactérias que matam insetos. Dessa coleção nos selecionamos uma estirpe de uma bactéria que mata bastante a larva do mosquito e a partir daí nós desenvolvemos um produto baseado nesta bactéria”,esclarece.

A pesquisadora explica que o inseticida é aplicado 1 gota para cada litro de água, diretamente no criadouro, e dentro de 2 a 3 horas as larvas estarão mortas. Ela explica que os testes confirmaram que a bactéria é supersegura, não é tóxico e de fácil aplicação.

Rose Monnerat acredita que dentro de dois meses o bioinseticida, que vai se chamar Inova-Bti, estará disponível no mercado.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro