São Paulo, SP, 12/11/2019
 
28/09/2015 - 09h48m

Botafogo-SP vence o Crac no Estádio Santa Cruz com placar de 3x0

Portal EBC/Edgar Matsuki  
Reprodução
Canela marcou o primeiro gol do Botafogo contra o Crac
Canela marcou o primeiro gol do Botafogo contra o Crac

Brasília - Jogando no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP), a equipe do Botafogo (SP) conseguiu uma ótima vitória por 3 a 0 contra a equipe do Crac (GO) e agora pode perder até por dois gols de diferença na partida de volta que, ainda sim, consegue a vaga na próxima fase da competição. Os gols do jogo foram marcados por Canela, Caio Ruan e Nunes.

Com o apoio de uma torcida de 19 mil pessoas, o Botafogo (SP) começou arrasador na partida. Logo aos três minutos de jogo, o time abriu o placar. Em uma ótima jogada de Samuel Santos, Canela apareceu livre na área e chutou forte para estufar as redes.

O gol no início atordoou o time goiano. Se aproveitando da situação, o Botafogo continuou com a pressão. O resultado foram mais dois gols na primeira etapa. Aos 25 minutos, o zagueiro Caio Ruan aproveitou uma cobrança de escanteio e ampliou. Aos 44 minutos, Samuel Santos fez mais um lindo cruzamento e Nunes cabeceou para fazer mais um.

No segundo tempo, o Crac adiantou o time para tentar diminuir a vantagem para o adversário. Porém, o melhor que o time goiano conseguiu foi balançar as redes com um gol de mão. Corretamente, o juiz anulou o tento. Jogando no contra-ataque, o Botafogo (SP) abusou do direito de perder gols. Com isso, o jogo ficou no Botafogo (SP) 3 x 0 Crac (GO).

Os dois times voltam a se enfrentar no próximo fim de semana. O Botafogo fica com a vaga até perdendo por dois gols de diferença. Se marcar algum gol, o time paulista pode perder até por três de diferença. Para o Crac, resta vencer o jogo por quatro gols de diferença para conseguir a vaga. Caso o time goiano ganhe o jogo de volta por 3 a 0, a decisão da vaga vai para os pênaltis.

Botafogo (SP) 3 x 0 Crac (GO)

Estádio: Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP)

Árbitro: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)

Auxiliares: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e Mauricio Coelho Silva Penna (RS)

Gols: Canela (3 minutos do primeiro tempo), Caio Ruan (25 minutos do primeiro tempo) e Nunes (44 minutos do primeiro tempo).

Cartões amarelos: Augusto Ramos (Botafogo-SP); Levi, Tito e Ronaldo Trevisan (Crac)

Cartão vermelho: Danilo Madeiros (Crac)

Botafogo (SP): Neneca; Daniel Borges, Caio Ruan, Mirita e Augusto Ramos; César Gaúcho, Rodrigo Thiesen, Samuel Santos, Vitinho (Vitor Hugo) e Canela (Diego Pituca); Nunes (Jardel). Técnico: Marcelo Veiga

Crac (GO): Gilberto; Bruno Limão, Ronaldo Trevisan, Jorge Miguel e Leandro Silva (Felipe Brisola); Levi, Álvaro, Wendell Araújo e Danilo Madeiros; Tito (Marcinho) e Jhonatan Ribeiro (Renatinho). Técnico: Julio Sérgio.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro