São Paulo, SP, 20/08/2019
 
25/10/2016 - 10h41m

Calais: mais de 2,3 mil imigrantes já foram removidos do campo

Agência Brasil/Agência Ansa 
Agência Brasil/Agência Lusa/Yoan Valat
A parte sul do campo de refugiados em Calais, conhecida como Jungle
A parte sul do campo de refugiados em Calais, conhecida como Jungle

Paris - No primeiro dia de evacuação de um dos maiores campos de imigrantes da Europa, a "selva" de Calais, no Norte da França, mais de 2,3 mil pessoas já foram transferidas para centros de acolhimento espalhados pelo país. A informação é da Agência Ansa.

O número foi divulgado na noite dessa segunda-feira (24) pelo ministro francês do Interior, Bernard Cazeneuve. "Hoje, demonstramos que a França é um país que sabe lidar com situações particularmente difíceis", disse o presidente François Hollande, que espera recuperar um pouco de sua popularidade com a operação.

Ao todo, 6 mil imigrantes viviam no acampamento, formado espontaneamente por indivíduos que viajavam a Calais para cruzar o Canal da Mancha rumo ao Reino Unido. A cidade entrou na rota migratória por abrigar o Eurotúnel, via ferroviária e rodoviária que conecta o continente à Grã-Bretanha.

Por causa disso, milhares de pessoas começaram a povoar um bosque nos arredores do município, que ganhou o apelido de "selva" dos refugiados. "Os imigrantes serão acolhidos por um período limitado, antes de serem direcionados a outras soluções", acrescentou Hollande.

O desmantelamento do campo começou em clima tranquilo, com os imigrantes seguindo as orientações das forças de segurança. Contudo, essa primeira etapa envolveu apenas pessoas que já estavam dispostas a deixar o acampamento.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro