São Paulo, SP, 23/09/2019
 
19/10/2015 - 10h24m

Campanha quer arrecadar 20 mil livros infantis para a Festa Literária da Periferia

Agência Brasil/Akemi Nitahara  

Rio de Janeiro - Com a meta de arrecadar 20 mil livros de literatura infantis e infantojuvenis até o dia 26 de outubro, a campanha Doe Futuro, Doe Livros faz neste ano a sua segunda edição e participa da Festa Literária da Periferia (Flupp), que ocorre de 3 a 8 de novembro no Complexo Babilônia/Chapéu Mangueira, no Leme, zona sul do Rio.

Segundo o idealizador do projeto, professor Jalme Pereira, o material arrecadado vai formar o “Caminho dos Livros”, indicando o acesso aos eventos da Flupp e ao comércio da região. “O programa busca estimular o prazer pela leitura e ajudar no desenvolvimento e na melhoria do conhecimento de crianças e adolescentes que vivem nas comunidades pacificadas”.

As doações podem ser feitas até o dia 26 de outubro nas unidades do centro universitário UniCarioca no Rio Comprido, Méier, Jacarepaguá e Bento Ribeiro. Durante a Flupp, será uma rua inteira enfeitada com os livros. A montagem do Caminho dos Livros será feita nos dias 2 e 3 de novembro. Após a Flupp, os livros serão distribuídas para crianças e adolescentes de comunidades pacificadas e bibliotecas comunitárias da cidade.

A Flupp será aberta ao meio-dia de 3 de novembro com uma revoada de balões que levarão poemas de 50 saraus e coletivos de periferias cariocas. No ano passado, a ação utilizou poemas e textos de Abdias Nascimento, artista, jornalista e político ativista do movimento negro, que morreu em 2011. Os mesmos poemas dos coletivos serão entregues por atores do grupo Nós do Morro aos convidados da solenidade de abertura.

A homenageada deste ano na Flupp é a psiquiatra alagoana Nise da Silveira, fundadora do Museu de Imagens do Inconsciente, centro de estudo e pesquisa de trabalhos artísticos desenvolvidos por pacientes psiquiátricos, e da Casa das Palmeiras, clínica de reabilitação para pacientes de instituições psiquiátricas. Nise morreu em 1999, aos 94 anos.

O poeta pernambucano Edmilson Santini fará a leitura teatralizada do cordel escrito em homenagem à Nise. A conferência de abertura da Flupp terá um debate com o atual diretor e curador do Museu de Imagens do Inconsciente, Luiz Carlos Mello, e a coordenadora da instituição, Gladys Schincariol.

Confira AQUI a programação completa da Flupp.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro