São Paulo, SP, 18/09/2019
 
01/04/2016 - 10h19m

Estados Unidos anunciam condições para Ucrânia receber empréstimo de US$ 1 bilhão

Sputnik 

Moscou - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou as condições para Kiev (capital da Ucrânia) receber US$ 1 bilhão de empréstimo. A terceira parcela das garantias de empréstimo será transferida apenas após a Ucrânia completar a formação do governo, declarou Obama. Além disso, Washington espera que o novo gabinete coopere com o Fundo Monetário Internacional (FMI).

Os presidentes da Ucrânia e dos EUA, Pyotr Poroshenko e Barack Obama, respectivamente, discutiram no âmbito da Cúpula da Segurança Nuclear em Washington (EUA) a concessão da ajuda financeira, divulgou a assessoria de imprensa de Poroshenko. "Obama confirmou a oportunidade de fornecer a terceira parcela da garantia de empréstimo no valor de US$ 1 bilhão no final do processo de formação do governo na Ucrânia", informa o comunicado.

Biden anunciou a contínua assistência militar para a Ucrânia, no valor de US$ 335 milhões. O dinheiro será usado para treinar o pessoal militar, atraindo novos conselheiros, além de armas não letais.

A chancelaria russa comentou as condições apresentadas por Obama. A representante oficial do Ministério das Relações Exteriores, Maria Zakharova, disse que a situação em Donbass só será normalizada depois de o governo dos EUA ligar a concessão futura de empréstimos à necessidade de respeitar os Acordos de Minsk e à formação de um novo governo.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro