São Paulo, SP, 22/09/2019
 
11/06/2014 - 18h29m

Fotografias ficam em exposição ao público até o dia 22 no MIS

Agência Hoje/Isabela Guiaro 
Divulgação
Exposição de fotografias ficará no Museu da Imagem e do Som até 22 de junho
Exposição de fotografias ficará no Museu da Imagem e do Som até 22 de junho

São Paulo (Agência Hoje/Isabela Guiaro) - Como faz tradicionalmente, o MIS (Museu da Imagem e do Som) dedica os meses de maio e junho para a fotografia. Esse ano, em “Fotografia: um longo processo”, foram colocados cerca de 100 mil itens do acervo do museu à mostra até o dia 22 de junho. O acesso é grátis.

Entre eles estão cartões postais, cartões de visita e autocromos, feitas não só no Brasil, como também no Japão, França e Estados Unidos. Além disso, lá estão retratos que mostram o cotidiano do início do século 20 do Brasil e câmeras fotográficas utilizadas na época.

O MIS oferece, ainda, outras exposições. Confira: 

- Por Debaixo das Rosas, com fotografias por Gregory Crewdson, apresenta dez imagens panorâmicas e teatrais de cidadezinhas anônimas, florestas e ruas largas e desoladas do cenário norte-americano.

Foi originalmente intitulada Beneath the Roses e composta por 20 imagens, a série foi criada entre 2003 e 2008. Em 2012, foi tema do documentário Gregory Crewdson: Brief Encounters, dirigido por Ben Shapiro. A mostra foi exibida na Luhring-Augustine Gallery (Nova York), White Cube (Londres) e na Gagosian Gallery (Beverly Hills).

- Invasão 68 Praga mostra 75 fotos em preto e branco, do tcheco Josef Koudelka, que registrou a invasão de Praga em 1968, retratando o drama e a luta pela liberdade.

Originalmente intitulada Invasion 68 Prague, foi organizada pela Aperture Foundation em colaboração com Josef Koudelka, e co-produzida pela Magnum Photos. Desde 2008 passou pelas cidades de Nova York, Washington, Miami e Charlottesville (EUA), Cidade do México (México), Moscou (Rússia), Buenos Aires (Argentina) e Tóquio (Japão).

- Guarapuava apresenta 40 fotografias em preto e branco de Valdir Cruz da cidade de Guarapuava, a 240 km de Curitiba, no Paraná, terra natal do fotógrafo. Valdir se dedicou nos últimos 30 anos a registrar a cidade, conseguindo, ao total, 4500 negativos em preto e branco.

Na abertura da exposição, Valdir lançou o livro de título homônimo, publicado pela Terra Virgem Edições. Nele estão 90 imagens também selecionadas pelo artista.

SERVIÇO

Exposições Por Debaixo das Rosas, Invasão 68 Praga e Guarapuava

1 de maio a 22 de junho de 2014

Terças a sábados, das 12h às 21h; domingos e feriados, das 11h às 20h.

Local: Museu da Imagem e do Som

Avenida Europa, 158 - Pinheiros - Sala exposições - 1º andar Telefone: (11) 2117-4777

Ingresso: R$ 6 | R$ 3 (meia)

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro