São Paulo, SP, 23/09/2019
 
21/07/2015 - 15h55m

Ginástica encerra sua participação no Pan com várias medalhas

Agência Hoje 
Reprodução/Ricardo Bufolin - CBG
Equipe de ginástica rítmica no alto do pódio
Equipe de ginástica rítmica no alto do pódio

São Paulo (Agência Hoje/Isabela Guiaro) - Após 14 dias desde que começaram os Jogos Pan-Americanos, realizados em Toronto, no Canadá, os atletas de ginástica artística, rítimica e de trampolim brasileira se despedem da competição, levando para casa diversas medalhas para comemorar.

Logo na primeira semana, a delegação masculina de ginástica artística, formada por Arthur Nory Mariano, Arthur Zanetti, Caio Souza, Francisco Barretto Júnior, Lucas Bitencourt e Petrix Barbosa, ficou em segundo lugar na categoria por equipe, levando a medalha de prata. Na individual, Arthur ganhou o ouro nas argolas e Caio ficou com o bronze no salto.

As atletas femininas da modalidade também não ficaram muito para trás. Na categoria individual geral, a pequena Flávia Saraiva, de apenas 15 anos, ficou com o bronze. A mesma medalha também foi garantida na categoria por equipe, formada por Daniele Hypolito, Flávia Saraiva, Jade Barbosa, Julie Kim Sinmon, Letícia Costa e Lorrane Oliveira.

Na rítmica de conjunto, Ana Paula Ribeiro, Beatriz Pomini, Dayane Amaral, Emanuelle Lima, Jéssica Maier e Morgana Gmach ganharam duas medalhas de ouro nas categorias de cinco fitas e conjunto geral. Além disso, elas garantiram a prata os dois arcos e três pares de maças. No individual, Angélica Kviecznski ganhou dois bronzes e Natália Gáudio não conseguiu chegar ao pódio.

Já no trampolim, Camilla Gomes e Carlos Ramirez Pala terminaram em sexto e oitavo lugares, respectivamente, não alcançando nenhuma medalha. Porém, assim como os outros ginastas, ambos demonstraram estar focados para o Mundial de Ginástica, que acontece em setembro, para a rítmica, outubro, para a artística, e novembro, para o trampolim.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro