Goleira dos Estados Unidos é suspensa por chamar suecas de "bando de covardes" - Hoje São Paulo
São Paulo, SP, 15/08/2018
 
25/08/2016 - 11h35m

Goleira dos Estados Unidos é suspensa por chamar suecas de "bando de covardes"

Agência Brasil/José Romildo 

Rio de Janeiro - A goleira da seleção feminina dos Estados Unidos, Hope Solo, foi suspensa por seis meses do futebol norte-americano por ter feito comentários depreciativos sobre a Suécia durante os Jogos Olímpicos Rio 2016.

Depois da partida entre Estados Unidos e Suécia, no dia 12 de agosto, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, quando a Suécia ganhou por 4 a 3, na cobrança de pênaltis, a goleira chamou as jogadoras suecas de "um bando de covardes" por dar prioridade à defesa em vez de atacar. Antes dos pênaltis, no período normal, a partida terminou empatada em 1 a 1.

Ao comentar a suspensão, o presidente da Confederação de Futebol dos Estados Unidos, Sunil Gulati, disse que os comentários da goleira são "inaceitáveis e não cumprem a norma de conduta que exigimos dos nossos jogadores da seleção."

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro