São Paulo, SP, 16/06/2019
 
16/10/2015 - 11h41m

Jogos Mundiais dos Povos Indígenas começam na sexta, 23

Portal EBC 
Agência Brasil
Evento vai receber cerca de 2.300 atletas de 22 etnias brasileiras
Evento vai receber cerca de 2.300 atletas de 22 etnias brasileiras

Brasília - Daqui a uma semana começam os Jogos Mundiais dos Povos Indígenas. Evento vai receber cerca de 2.300 atletas de 22 etnias brasileiras e cerca de 20 países. Idealizado pelo Comitê Intertribal de base indígena com o intuito de integrar etnias do mundo todo, o evento acontecerá entre os dias 23 de outubro a 1º de novembro de 2015, em Palmas (TO).

Para saber como andam os preparativos o Revista Brasil conversou com o articulador internacional dos Jogos Mundiais dos Povos Indígenas, Marcos Terena.

Ele explica que está em Gurupi para uma reunião de recepção na Ilha do bananal, com os índios das tribos Carajás e Javaé para explicar sobre os jogos. Os organizadores esperam participantes vindos da Rússia, Estados Unidos, Nova Zelândia, Congo, Mongólia e Filipinas.

Durante a entrevista, Marcos Terena fala um pouco do biótipo dos índios brasileiros e de outros países, do estilo cultural, das diversidades, da logística da alimentação e das acomodações.

A entrevista contou com a participação de Marcilei Dias, da Rádio 96 FM em Palmas (TO). Ele fala da estrutura, do local onde os jogos irão se concentrar. E diz que já está praticamente tudo pronto, pois no dia 20 de outubro já começa o Festival da Cultura Indígena.

Marcilei Dias explica a estrutura montada no aeroporto de Palmas para receber os povos indígenas, e destaca que o aeroporto no período dos jogos se transforma em Aeroporto Internacional, com voos de vários países, mas passado os jogos volta ao normal.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro