São Paulo, SP, 29/01/2022
 
18/07/2012 - 10h51m

Jornal feito para tablet, "The Daily" pode ser extinto por prejuízos

Folhapress 
Divulgação
Primeira edição do jornal "The Daily", inicialmente exclusivo para iPad e depois adaptado para iPhone e Android
Primeira edição do jornal "The Daily", inicialmente exclusivo para iPad e depois adaptado para iPhone e Android

SÃO PAULO, SP (Folhapress) - Lançado em fevereiro do ano passado como o primeiro jornal feito exclusivamente para iPad, o "The Daily" pode estar com os dias contados.

Desenvolvido em conjunto pela News Corp., organização de mídia do bilionário Rupert Murdoch, e pela Apple, fabricante do iPad, o "The Daily" prometia revolucionar a maneira como os jornais eram consumidos.

Apresentado em 2 de fevereiro do ano passado no Museu Guggenheim de Nova York por Rupert Murdoch, presidente e diretor-executivo da News Corp., e Eddy Cue, vice-presidente de serviços de internet da Apple, o jornal eletrônico pode ser extinto após as eleições americanas, que acontecem no dia 6 de novembro deste ano.

Segundo a versão on-line da revista "Meio & Mensagem", Rupert Murdoch afirmou, em relatório sobre a cisão da News Corp. em duas empresas -uma de entretenimento e outra de mídia-, que o "The Daily" pode ser extinto após as eleições presidenciais dos EUA por acumular prejuízos milionários.

Com um investimento anual de US$ 30 milhões, o jornal acumulou perdas de US$ 10 milhões em seu primeiro ano de vida.

Após 17 meses de existência, o jornal não se firmou como formador de opinião nem revolucionou o consumo de jornais no mundo, como pretendido.

Agora, Murdoch parece ter mudado de ideia. Além do prejuízo milionário, o "The Daily" tem enfrentado forte competição de similares gratuitos.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro