São Paulo, SP, 23/09/2019
 
01/11/2016 - 10h28m

Líbano elege Aoun para presidente após 2 anos sem comando

Agência Brasil/Télam 
Reprodução
Aoun recebeu os votos de 83 dos 127 deputados presentes, na sessão para tentar eleger um presidente
Aoun recebeu os votos de 83 dos 127 deputados presentes, na sessão para tentar eleger um presidente

Brasília - O parlamento libanês elegeu o ex-general Michel Aoun como presidente da República do país. Aoun tem proximidade com a milícia xiita libanesa Hezbollah e assumiu depois de quase dois anos e meio sem comando, por divergências entre os dois principais blocos políticos, apoiados respectivamente por Arábia Saudita e Irã.

Aoun recebeu os votos de 83 dos 127 deputados presentes, na sessão para tentar eleger um presidente. Outros 36 deputados se abstiveram e oito votaram em branco.

Ex-veterano militar, com 81 anos, Aoun é considerado um velho inimigo da Síria e aliado do Hezbollah e de Damasco. Será o décimo terceiro presidente do Líbano desde que o país ganhou a independência da França, em 1943.

Em seu primeiro discurso após ser eleito, Aoun exigiu o desenvolvimento de uma lei eleitoral "justa" e "a libertação dos territórios ainda ocupados" por Israel e reiterou que Tel Aviv continua a representar a "maior ameaça contra o Líbano".

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro