São Paulo, SP, 18/11/2019
 
21/07/2016 - 15h45m

Maior túnel rodoviário urbano do país é inaugurado no Rio

Agência Brasil/Flávia Villela 
Agência Brasil/Tomaz Silva
Túnel faz parte da Via Expressa, que substituiu o  Elevado da Perimetral, demolido em 2014
Túnel faz parte da Via Expressa, que substituiu o Elevado da Perimetral, demolido em 2014

Rio de Janeiro - Uma das principais obras de revitalização do centro do Rio de Janeiro, o Túnel Prefeito Marcello Alencar foi plenamente aberto ao público nesta quinta-feira (21), após a inauguração da segunda galeria - sentido Parque do Flamengo-Rodoviária.

A primeira galeria, no sentido Rodoviária-Parque do Flamengo, foi aberta há cerca de um mês. O túnel faz parte da Via Expressa, que substituiu o Elevado da Perimetral, demolido em 2014.

Com cerca de 3,38 quilômetros (km) de extensão e três faixas de tráfego, o novo túnel deve receber entre 20 e 30 mil veículos por dia, elevando a capacidade diária da Via Expressa para 110 mil veículos. É o maior túneo urbano rodoviário do país. Apesar da extensão e da profundidade do túnel, que chega a 43 metros abaixo do nível do mar, o prefeito Eduardo Paes garantiu que não há risco de alagamentos.

“Túneis sempre têm algum tipo de infiltração, mas nada disso representa risco, é normal, e aqui é um aterro, quase um túnel dentro d'água, mas está tudo seguro”, afirmou Paes. “Esse túnel permitiu a abertura da Orla Conde, o reencontro da cidade com o mar e a Baía de Guanabara, e revitalizou o Centro. E no dia 2 de agosto vamos abrir o trecho final onde ficará a pira olímpica., entre a Praça XV e o 1º Distrito Naval, uma superpaisagem”, completou o prefeito.

De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego do Rio de Janeiro (CET-Rio), a nova via vai ajudar a reduzir o fluxo veicular de outros trajetos, como o Túnel Rebouças, que nos horários de pico poderá ter redução de até 15% no trânsito, e o Santa Bárbara, de até 25%.

Haverá mais de 100 câmeras no interior do túnel, e as imagens serão monitoradas pelo Centro de Controle de Operações da Concessionária Porto Novo, ligado ao Centro de Operações da prefeitura. A concessionária é um consórcio das construtoras Odebrecht, OAS e Carioca Engenharia, que assumiu os serviços públicos da prefeitura na zona portuária do Rio de Janeiro por 15 anos.

Até o dia 31 deste mês, a via ficará fechada das 23h às 4h. A partir de 1º de agosto, a galeria sentido Aterro fechará às terças-feiras no mesmo horário. No sentido Rodoviária, a galeria permanecerá fechada às quartas-feiras também das 23h às 4h. O acesso ao túnel é proibido a caminhões, pedestres, skatistas e ciclistas.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro