São Paulo, SP, 19/09/2019
 
26/08/2013 - 23h32m

Marina Silva pede ao TSE registro do seu novo partido político

Agência Brasil/André Richter 
Agência Brasil/Arquivo/José Cruz
Marina Silva no lançamento do seu novo partido político, Rede de Sustentabilidade
Marina Silva no lançamento do seu novo partido político, Rede de Sustentabilidade

Brasília – A ex-senadora Marina Silva protocolou hoje (26) no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pedido de registro do partido Rede Sustentabilidade, mesmo sem conseguir certificar todas as assinaturas necessárias.

No documento entregue ao tribunal, a Rede informa que 867 mil assinaturas de apoiadores foram colhidas em todo o país. No entanto, das 640 mil assinaturas que foram entregues à Justiça Eleitoral, 304 mil foram certificadas pelos cartórios eleitorais e cerca de 220 mil ainda precisam ser analisadas.

Para obter registro, o partido político deve validar cerca de 500 mil assinaturas, o que corresponde a 0,5% dos votos registrados na última eleição para a Câmara dos Deputados. Também é exigido que as assinaturas tenham sido colhidas em pelo menos nove estados brasileiros.

No pedido entregue ao TSE, o partido também pede uma liminar para obrigar os cartórios eleitorais a publicar, em 24 horas, a lista das assinaturas que não foram validadas.

A Rede enfrenta problemas para validar as assinaturas. Marina diz que os cartórios eleitorais estão atrasando os procedimentos e anulando assinaturas sem justificativa. Se a questão não for resolvida, o partido pode ficar fora da disputa eleitoral do ano que vem.

De acordo com o TSE, 30 partidos políticos estão registrados no tribunal.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro