São Paulo, SP, 24/06/2019
 
08/08/2015 - 21h57m

Músicos de nove países se apresentam no Festival de Jazz no Sesc Pompeia até dia 30

Agência Brasil/Daniel Mello 
Divulgação
Sesc Pompeia apresenta Festival de Jazz com artistas internacionais até 30 de agosto
Sesc Pompeia apresenta Festival de Jazz com artistas internacionais até 30 de agosto

São Paulo - Desde quinta-feira (6), o festival Jazz na Fábrica reúne artistas de nove países para mais de 20 apresentações no Sesc Pompeia, na zona oeste da capital paulista. Além dos músicos nacionais, estão presentes grupos e solistas dos Estados Unidos, do México, de Israel, Cuba, da Inglaterra, do Japão, da França e Áustria. A programação vai até o dia 30 de agosto.

Realizado desde 2011, o nome da mostra faz referência ao edifício que abriga a unidade onde o evento é realizado. O complexo foi projetado em 1976 pela arquiteta Lina Bo Bardi, aproveitando os galpões de uma antiga fábrica de tambores. No ano passado, o conjunto arquitetônico foi transformado em patrimônio cultural do país pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.

Entre os artistas está o norte-americano Kenny Garrett. Além de já ter ganho nove vezes o DownBeat Readers Poll como melhor saxofonista, Garret já tocou ao lado de nomes como Art Blakey, Miles Davis e Marcus Miller. Com menos tempo de estrada, o quinteto Jungle Fire, fundado em 2011, tem uma proposta musical em que mistura o jazz a estilos do Oeste Africano, afro-caribenhos e com uma batida funk pesada.

Entre os brasileiros, se destaca o Grupo Um, criado pelos irmãos Lelo (teclados e sons eletrônicos) e Zé Eduardo Nazário (bateria e percussão). O projeto foi fundado em 1976, quando ambos tocavam com Hermeto Pascoal. O som da dupla tem influências da música eletrônica e eletroacústica.

Há ainda uma programação gratuita que ocorre aos domingos ao ar livre. Entre os artistas que estão incluídos nessa parte do festival está o Chaiss Quinteto, grupo que se apresenta pelas ruas de São Paulo. Os cinco músicos vão mostrar no domingo (9) temas que compõem o disco Afrodisia, que será lançado neste ano. O som passa pelo jazz fusion, hard-bop, e jazz contemporâneo.

Também se apresentam gratuitamente o QN Quarteto, o Rodrigo Digão Braz Trio e Convidados e o Gestos Sonoros. Os ingressos das demais apresentações variam de R$ 15 a R$ 60.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro