São Paulo, SP, 24/06/2019
 
08/02/2014 - 19h48m

O surpreendente David Bowie em exposição retrospectiva no MIS

Agência Hoje* 
Reprodução
David Bowie em retrospectiva no Museu da Imagem e do Som
David Bowie em retrospectiva no Museu da Imagem e do Som

São Paulo (Agência Hoje*) - O MIS - Museu da Imagem e do Som - recebe a exposição David Bowie, primeira retrospectiva internacional sobre a carreira do artista britânico. A mostra, originalmente intitulada David Bowie Is, chegou a São Paulo em janeiro, após enorme sucesso em Londres, onde ficou em cartaz no Victoria and Albert Museum (V&A), e antes das demais capitais europeias.

São cerca de 300 itens relacionados ao artista, selecionados pelos curadores Victoria Broackes e Geoffrey Marsh,  como manuscritos de letras de músicas e figurinos originais. Os visitantes também serão passarão por uma experiência sonora (com fones de ouvido inclusos no valor do ingresso), proporcionada pela empresa alemã Sennheiser.

O V&A - Victoria and Albert Museum, um dos mais importantes museus do mundo na área de design, teve acesso sem precedentes ao The David Bowie Archive para criar esta exposição. A mostra brasileira inclui 47 figurinos, trechos de filmes e shows ao vivo, videoclipes e fotografias, além de set lists, letras de músicas, manuscritos, instrumentos e desenhos.

 A exposição leva os visitantes a uma viagem através dos inúmeros personagens de Bowie e performances lendárias, destacando suas influências artísticas e suas experiências com o surrealismo, o expressionismo alemão, a mímica e o teatro Kabuki.

Peças do álbum Aladdin Sane, como o macacão assimétrico feito de vinil (Tokyo Pop) assinado por Kansai Yamamoto e a bota plataforma vermelha, ambos usados na turnê do álbum em 1973 estão entre os figurinos que compõem o inventário da mostra. O terno azul claro usado na gravação do promo feito para Life on Mars? e o conjunto de calça e jaqueta multicoloridos, de Freddie Burretti, feito para a turnê Ziggy Stardust também fazem parte.

A produção fotográfica traz interessante material, como a foto promocional feita para a banda The Kon-rads, quando Bowie tinha apenas 16 anos; uma colagem feita por Bowie a partir de stills do vídeo de The Man Who Fell to Earth; e outra imagem dele com o escritor William Burroughs, fotografados por Terry O’Neill, e colorida manualmente pelo cantor.

A exposição coloca os visitantes dentro do processo criativo de Bowie e mostra como sua obra influenciou diversos movimentos artísticos. Ela apresenta o artista como um astuto observador da nossa sociedade, que sempre fez intervenções significativas na cultura, deixando um poderoso legado.

Livro

O livro David Bowie, tradução do original feito pelo V&A, traça a carreira do artista desde a sua juventude nos subúrbios londrinos, suas influências e decisões, as descobertas durante as gravações dos primeiros álbuns, até tornar-se figura mundialmente aclamada, cuja obra provoca forte impacto na música e na arte de vanguarda do século XX de maneira geral.

Este é o primeiro livro produzido com acesso irrestrito ao The David Bowie Archive, o arquivo pessoal de Bowie com letras originais, trajes de espetáculos, materiais, fotos e objetos. Textos dos curadores do Victoria and Albert Museum sobre a influência de Bowie no mundo da moda, além de ensaios sobre música, cinema, a questão do gênero, entre outros, completam a edição.

Sobre David Bowie

David Robert Jones nasceu em Brixton, no sul de Londres, em 8 de janeiro de 1947. Sua carreira na música já dura quase 50 anos de sucesso comercial e de crítica especializada.David Bowie e é reconhecido por ser um dos mais audaciosos, influentes e criativos artistas do seu tempo. Autor e intérprete de sucessos como ‘Let´s Dance’, ‘Life on Mars?’ e “Heroes”, já vendeu mais de 140 milhões de álbuns.

Recebeu dois Grammys, dois British Awards, três MTV Video Music Awards e um Emmy. No cinema, participou de filmes que são ícones da cultura pop, como O homem que caiu na Terra (1976), Eu, Christiane F., 13 anos Drogada e Prostituída (1981) e Labirinto, A Magia do Tempo (1986). Em 2013 surpreendeu o público com o lançamento do álbum The Next Day, o primeiro trabalho depois de um hiato de 10 anos. O disco concorre em duas categorias no Brit Awards e a três Grammys Awards.

SERVIÇO:

David Bowie

Visitação: 31 de janeiro a 20 de abril de 2014

Horário da bilheteria: terças a sextas, das 12h às 20h e sábados, domingos e feriados, das 11h às 19h

Local: Expositivo Térreo, Expositivo 1º andar e 2º andar

Ingresso à venda na recepção do MIS: R$ 10,00 e R$ 5,00 ou pelo site www.ingressorapido.com.br (R$ 25,00), lojas de São Paulo da YOUCOM, apoiadora da exposição, nos Shoppings Ibirapuera, Center Norte, Frei Caneca e Bourbon pelo valor único de R$ 25,00

Às terças-feiras a entrada no MIS é gratuita.

Classificação: livre

Museu da Imagem e do Som - MIS

Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo  (11) 2117 4777  www.mis-sp.org.br

Estacionamento conveniado: R$ 8

Acesso e elevador para cadeirantes. Ar condicionado.

* Com informações da assessoria de imprensa do Museu da Imagem e do Som

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro