São Paulo, SP, 19/09/2019
 
12/12/2014 - 10h17m

ONG brasileira UMRio é finalista do "Aig Rugby Awards 2014"

Agência Hoje 
Reprodução
ONG UMRio foi uma das seis finalistas, após ser escolhida pelo voto público e julgada por membros da equipe All Blacks
ONG UMRio foi uma das seis finalistas, após ser escolhida pelo voto público e julgada por membros da equipe All Blacks

São Paulo (Agência Hoje) - A American International Group (NYSE: AIG), Parceira Oficial de Seguros da New Zeland Ruby (NZR), lançou o AIG Rugby Safety Awards este ano.

A premiação convidou as organizações de rúgbi a enviarem vídeos e fotografias, exibindo como estão aprimorando a segurança em seus respectivos clubes. Foram recebidas inscrições de 14 países diferentes, entre eles o Brasil.

A ONG UMRio [ONERio] foi uma das seis finalistas, após ser escolhida pelo voto público e julgada por três membros atuais da equipe All Blacks – Charles Piutau, Victor Vito e James Parsons, além do lendário Sean Fitzpatrick, também do All Blacks.

Fundada há pouco mais de um ano pelo anglo-brasileiro Robert Malengreau, a UmRio [ONERio] tem com objetivo estimular interação, inclusão, liderança e solidariedade entre jovens que vivem dentro ou no entorno das favelas do Estado do Rio de Janeiro.

De acordo com Malengreau, a ideia de criar a ONG surgiu por meio de sua tese de mestrado na Universidade de Oxford, na Inglaterra.

O projeto da UMRio [ONERio] atende mais de 132 crianças e, por ter sido um dos finalistas, a Instituição recebeu US$ 5.000,00 em equipamentos de segurança patrocinados pela AIG.

“Não esperávamos ser finalistas, mas mostramos em nosso vídeo para a AIG como o potencial do rúgbi e seus conceitos, como o trabalho em equipe, podiam influenciar positivamente os envolvidos”, afirma Malengreau.

“Com o prêmio, conseguiremos ampliar nossa estrutura com equipamentos e itens básicos, como chuteiras, uniformes e almofadas de contato, que contribuíram com a evolução e profissionalização do trabalho”, complementa o fundador.

O vencedor do prêmio foi o Time de Rúgbi Leones de San Marcos, do Peru, que faturou o grande prêmio de US$ 20.000,00. Além da ONG brasileira, equipes da Nova Zelândia, Austrália e Estados Unidos também foram finalistas.

“Os seis finalistas contribuíram com um empenho incrível. É fantástico termos recebido tantas participações vindas de toda parte do mundo. Os prêmios destacaram a importância da segurança no rúgbi e esperamos que todos os envolvidos continuem a fazer do bem-estar dos jogadores sua maior prioridade”, afirma o Diretor Global de Patrocínios da AIG, Daniel Glantz.

A AIG está comprometida em expandir o jogo de rúgbi em todo o mundo, levando o esporte a novos territórios e incentivando os jovens a participarem.

A Companhia, que também apoia a USA Rugby, a Federação Japonesa de Rúgbi e os programas destinados a jovens, como o Play Rugby USA, tem como objetivo ajudar a tornar o rúgbi um esporte mais seguro globalmente e dará prosseguimento a essa iniciativa durante 2015.

Tags: ONG, Projeto, Rúgbi, UMRio

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro