São Paulo, SP, 19/11/2019
 
20/01/2016 - 12h31m

Patrocínio de 83 milhões para o futebol é anunciado pela Caixa

Agência Hoje 
Reprodução
Banco divulgou investimento de R$ 83 milhões em 10 clubes brasileiros
Banco divulgou investimento de R$ 83 milhões em 10 clubes brasileiros

São Paulo - A Caixa Econômica Federal anunciou nesta terça-feira (19), em Brasília, a estratégia de patrocínio ao futebol para 2016. O banco divulgou investimento de R$ 83 milhões em 10 clubes brasileiros. Para este ano, a CAIXA mantém os times já patrocinados, desde que tenham permanecido nas séries A e B do Campeonato Brasileiro. A novidade é a inclusão dos maiores times de Minas Gerais - Cruzeiro e Atlético Mineiro.

Segundo a presidenta da CAIXA, Miriam Belchior, os patrocínios ao futebol integram a estratégia mercadológica do banco, fortalecendo sua marca e colaborando com a profissionalização dos processos de gestão dos clubes.

"O apoio ao futebol, assim como a outras modalidades esportivas, aumenta a visibilidade da nossa marca e contribui com o desenvolvimento do esporte. Os patrocínios da CAIXA ao futebol já obedecem aos critérios estabelecidos no PROFUT, além de outras exigências legais que definem a comprovação de regularidade fiscal dos clubes", comentou a presidenta.

"A vinculação dos patrocínios da CAIXA ao PROFUT demonstra que o banco está alinhado a essa iniciativa do governo federal para a profissionalização do futebol: gestão fiscal, governança, fortalecimento do futebol feminino, melhoria das condições de trabalho dos atletas e formação de categoria de base. Para isso, o PROFUT prevê ainda a criação de uma modalidade exclusiva de Loteria Instantânea Federal a ser administrada pela CAIXA, com destinação de recursos arrecadados para os clubes que aderirem ao programa, mediante a cessão de uso de imagem das marcas", explicou Miriam.

A lista de clubes com patrocínio máster da CAIXA inclui: Flamengo (RJ), Cruzeiro (MG), Atlético Mineiro (MG), Atlético Paranaense (PR), Coritiba (PR), Chapecoense (SC), Figueirense (SC), Sport (PE), Vitória (BA) e CRB (AL). Os contratos assinados têm vigência até 31 de dezembro de 2016. O banco mantém ainda, negociações com o Corinthians, que tem contrato vigente até fevereiro de 2016.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro