São Paulo, SP, 18/10/2018
 
20/03/2014 - 06h16m

Pereira Barreto oferece clima de praia, beleza e rio Tietê com águas cristalinas

Agência Hoje/Edson Boomer 
Diogo Moreira
Praia Pôr-do-Sol, muita beleza e a maior atração turística de Pereira Barreto e região
Praia Pôr-do-Sol, muita beleza e a maior atração turística de Pereira Barreto e região
  • Às margens do rio Tietê, Pereira Barreto oferece lazer e esportes náuticos
  • Goju-Notô representa templo de madeira onde samurais guardavam jóias e livros sagrados
  • Praça da Bandeira, construída na década de 1940, é o lugar ideal para caminhadas e relaxamento
  • Águas limpas do rio Tietê são procuradas para banho, prática de esportes náuticos e pesca

Pereira Barreto, São Paulo (Agência Hoje) - Para quem gosta de praia de água doce, águas cristalinas, animais silvestres circulando com tranquilidade e uma flora bonita e diversificada, a cidade de Pereira Barreto pode ser um passeio imperdível. A 650 quilômetros de São Paulo, vizinha de Ilha Solteira, ela é uma das estâncias turísticas mais procuradas.

A cidade foi fundada em 1928 e tem apenas 25 mil habitantes, mas está preparada para receber turistas que gostam de esportes náuticos, natureza, paisagens lindas e pesca amadora. O clima de tranquilidade é constante e as águas limpíssimas em todos os trechos do rio Tietê convidam para banhos e brincadeiras.

Em termos de infraestrutura, não há do que se reclamar. Pereira Barreto conta com 10 bons restaurantes, muitos deles oferecendo uma comida extremamente saborosa, à base de peixes de água doce, 12 lanchonetes e oito sorveterias, além de quatro agências de turismo com experiência em atender visitantes de várias regiões do Brasil.

Vizinha de Santa Fé do Sul, Sud Menucci, Suzanópolis, Itapura e Ilha Solteira, o município tem uma área de 979 quilômetros quadrados e uma população concentrada na sede. Segundo dados da Prefeitura, são 23.235 habitantes na zona urbana e apenas 1.724 na zona rural. Do total, 12.689 são mulheres e 12.270 são homens.

O IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) é alto, com 0,788, puxada por uma expectativa de vida elevada, na base de 72 anos. A taxa de alfabetização também é respeitável: de cada 100 habitantes, 88 são alfabetizados, segundo o IBGE.

Japoneses, Café e Cana

A cidade surgiu em 1928 com o nome de Novo Oriente e 10 anos depois foi batizada com seu atual nome em homenagem ao médico e político Luis Pereira Barreto. Os primeiros habitantes foram japoneses que trabalhavam em lavouras de café e cana de açúcar. Há várias homenagens a eles, inclusive com o templo Goju-Notô que lembra os chefes samurais.

Nos muitos pontos turísticos predominam as homenagens aos imigrantes japoneses, como o Obelisco de Pedra, um monumento de 13 metros de altura que retrata a contribuição da colônia por meio do esporte e da cultura (lutadores de Kendô e tocadores de Taikô), retratando algumas festas típicas do extremo oriente.

A praia Pôr-do-sol é o maior atrativo turístico da cidade. Localizada no reservatório da Usina Três Irmãos, no rio Tietê, possui duas praias artificiais com 700 metros de comprimento por 40 metros de largura. Destaca-se pelas águas limpas próprias para o banho, pela prática de esportes náuticos e a pesca.

O Canal de Pereira Barreto, projetado para ligar o reservatório da Usina Hidrelétrica de Três Irmãos ao de Ilha Solteira, unindo o rio Tietê ao rio São José dos Dourados, é o segundo maior canal artificial do mundo interligando duas bacias hidrográficas (a do rio Tietê e a do rio Paraná). É o primeiro canal da América do Sul com características hidroviárias, numa extensão de 9.600 metros, sendo uma via navegável até a cidade de Simão, em Minas Gerais.

A Praça da Bandeira é outra atração importante, foi construída na década de 1940 e totalmente reformada. Os eventos abertos à população são sempre realizados no local, que mantém a tradição de receber várias famílias nas noites de fins de semana. Goju-Notô, uma torre de cinco andares inaugurada em 1958, fica localizada na Praça e representa um templo de madeira onde os chefes samurais guardavam suas joias e livros sagrados.

Curiosidades

Em 1990 Pereira Barreto foi inundada pelas águas da represa da UHE Três Irmãos. A Ponte Novo Oriente, sobre o rio Tietê, a estação ferroviária Lussanvira e lavouras inteiras ficaram debaixo d'água. Surgia assim uma cidade submersa, cheia de surpresas. Foi preciso muito trabalho para recriá-la, mas os moradores conseguiram e festejaram.

Em 13 de abril de 2000, a cidade foi elevada à categoria de Estância Turística pelo Governo do Estado, devido aos recursos naturais, condições de lazer, recreação e uma boa infraestrutura e serviços destinados à atividade. A partir daí, conhecida em outras regiões, tornou-se um destino importante no calendário brasileira e atrai cada vez mais visitantes.

A velha ponte Novo Oriente tornou-se o símbolo eterno da cidade de Pereira Barreto. Hoje em dia só é possível ver a ponte submersa por mergulho assistido e com equipamentos. Uma nova Ponte Novo Oriente foi construída sobre o rio Tietê, com 2.160 metros de comprimento, toda em concreto, com dois vãos centrais que permitem a navegação no rio Tietê.

Veja as principais atrações de Pereira Barreto:

Fonte Espelho D’água

A fonte espelho d’água localiza-se na Av. Benedito Jorge Coelho é um monumento alusivo as águas do rio Tietê que banham a cidade e tem o objetivo de ajudar a explorar toda potencialidade turística de Pereira Barreto.

Canal Artificial de Pereira Barreto

O canal artificial de Pereira Barreto, com 9.600m de comprimento, é o segundo maior do mundo e maior da América Latina, interliga os reservatórios de Ilha Solteira e Três Irmãos, propiciando a operação energética integrada dos dois aproveitamentos hidrelétricos.

Praia Pôr-do-Sol

A Praia Pôr do Sol é uma das maravilhas da cidade. Suas águas limpas e cristalinsa atraem banhistas de toda a região, fica localizada à margem direita do Rio Tietê e é um dos principais pontos turísticos da cidade.

Monumento ao Esporte

Representa o esporte em Pereira Barreto, a cascata e a coluna têm o formato da letra “P” inicial do nome do município. A escultura no alto da cascata são representadas pelo futebol e beisebol. Já nas laterais em alto relevo o tênis, salto em vara, atletismo e basquetebol. A água da cascata e a cor azul das lâmpadas representam às águas do grande lago que banha a cidade, já as cores das lâmpadas, amarela e laranja, representam a energia do sol e o calor.

Ponte Novo Oriente

A “nova” Ponte Novo Oriente de Pereira Barreto, construída sobre o Rio Tietê, possui 2.160 metros de comprimento e substitui a velha ponte Novo Oriente, que foi utilizada desde 1935 como interligação do Município de Pereira Barreto com a cidade de Andradina. Foi construída com mais de 10 metros de altura, para permitir a navegação de barcaças no Rio Tietê.

Relógio de Quatro Faces

O relógio quatro faces está instalado no centro da cidade. Ele é um monumento que foi construído pelo Sr. Risaburo Murai, em 1958, pela ocasião do 30º Aniversário da Fundação da cidade. É o ponto de encontro dos e turistas da cidade.

Obelisco

O obelisco é a construção do Portal da entrada de Pereira Barreto, fica no trevo da entrada da cidade. A obra foi considerada uma grande conquista da população.

Monumento GO-JU-NO-TO

Localizado na Praça da Bandeira Comendador Jorge Tanaka, possui cinco níveis em seu telhado, que representam os elementos da natureza: terra, água, fogo, vento e céu. Ele representa um templo de madeira onde os chefes samurais guardavam suas joias e livros sagrados.

Casa Da Cultura “Aristeu Custódio Moreira”

A Casa da Cultura tem boa estrutura, com teatro e salas de exposições. Recebe as principais manifestações culturais, exposições, peças de teatro e divulgação do artesanato e obras de grande relevância, além de abrigar a Biblioteca Municipal Castro Alves com acervo de mais de 11.000 títulos.

Museu da Colônia Japonesa

O Museu da Cultura Japonesa tem exposição fixa de objetos dos primeiros imigrantes japoneses e fundadores de Pereira Barreto. Com 10 anos de existência, realiza eventos de promoção com a Colônia Japonesa local, tem parceria com e o Ministério de Cultura a Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo. é ponto turístico, recebe visitas das escolas da região.

Estádio Municipal Francisco Joaquim Dias (Sabiá)

Com uma área de aproximadamente 200 mil metros quadrados, o estádio recebe eventos esportivos, grandes shows, feiras e exposições, tem potencial para ser transformado em Centro de Excelência de Modalidades Olímpicas.

SERVIÇO

Município de Pereira Barreto

Prefeitura da Estância Turística de Pereira Barreto

Avenida Jonas Alves de Mello 1947, Cep 15370-000 Pereira Barreto (SP)

Telefone - (18) 3704 8500

 

Hospedagem

Veja AQUI os hotéis e pousadas da cidade

Veja AQUI os serviços de atendimento ao turista

Veja AQUI as casas de pesca

Restaurantes

Du Carlo Restaurante

Lanchonete Dom Xopp

Restaurante e Churrascaria Salomé

Bentô Restaurante e Comida Oriental

Restaurante Entre Amigos

Rotisseria Doce Delícia

Cozinha da Vó

Almirante Restaurante e Petiscaria

Rampini Restaurante

Lanchonetes

Dog Mania Lanches

Lanches Sambayon

Lanchonete e Pizzaria do Luizinho

Lanchonete Ponto X - Lanchonete Mister Pastel

Pastelaria Akiyama

Rotisseria Lanchonete 100 Limites

Lanchonete Tutti Frutti

Casa dos Sucos

Rotisseria Sabor da Massa

Mary Lanches

Land Pizzaria e Lanchonete

Sorveterias

Sorveteria Copa de Ouro

Sorveteria Cremoso

Sorveteria Pingo de Mel

LaiskMilkshakes e Sorvetes

Sorveteria Ponto Frio

Sorveteria Toyoda

Sorveteria Doce Verão

Sorveteria Crocante

Agências de Turismo

Agência de Turismo Mar Sol

Agência de Viagem Veneza Paulista Turismo

AF. Locadora de Veículos e Agência de Viagem e Turismo

NumberOne Turismo

Principais Eventos

Festival de Verão (janeiro e fevereiro)

Música na Praça (fevereiro, março, maio e outubro)

Festa do Juninão (junho)

Show da DiverCidade (agosto)

Torneio de Pesca Esportiva (setembro)

Festival Hip Hop (novembro)

Circuito Natação em Águas Abertas (dezembro)

www.pereirabarreto.sp.gov.br

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro