São Paulo, SP, 19/10/2019
 
20/02/2015 - 14h09m

Roma tem confronto entre torcedores do Feyenoord e polícia

Agência Hoje 
Reprodução
Os fanáticos da equipe holandesa jogaram vários objetos tais como plásticos, garrafas de vidro e lixo na praça e na fonte.
Os fanáticos da equipe holandesa jogaram vários objetos tais como plásticos, garrafas de vidro e lixo na praça e na fonte.

São Paulo (Agência Hoje) - Antes de Feyenoord e Roma se enfrentarem dentro do campo pela Liga Europa, os torcedores do time holandês entraram em confronto, pela segunda vez, com a polícia italiana na tarde dessa quinta-feira (19).

Ainda na noite de quarta-feira (18), cerca de 33 torcedores do Feyenoord foram detidos e 23 foram presos, no campo de’Fiori, e antes da partida o confronto com a polícia aconteceu em frente a um dos famosos pontos turísticos da cidade italiana, a Piazza di Spagna.

Os torcedores jogaram rojões contra os policiais que revidaram com gás lacrimogêneo e assim conseguiram desocupar o local, no entanto, a praça e a fonte sofreram com os atos de vandalismo, pois os fanáticos da equipe holandesa jogaram vários objetos tais como plásticos, garrafas de vidro e lixo.

O prefeito de Roma, Ignazio Marino, se indignou e cobrou o Feyenoord e o governo holandês, em entrevista à RAI “Alguém tem que assumir a responsabilidade: ou o clube ou a própria Holanda. Foi uma guerra urbana”, disse Marino.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro