Saiba a importância de exames periódicos para a saúde da mulher - Hoje São Paulo
São Paulo, SP, 21/08/2018
 
16/03/2016 - 14h50m

Saiba a importância de exames periódicos para a saúde da mulher

Portal EBC 
Agência Brasil/Fernando Frazão
Para manutenção da saúde, especialista indica um check-up anual
Para manutenção da saúde, especialista indica um check-up anual

Brasília - A preocupação com a saúde tende a ser reforçada para o sexo feminino desde a primeira consulta ginecológica, mas para manter a saúde em dia é necessário manter uma frequência nesses cuidados.

Em entrevista ao programa Falando Francamente a médica radiologista, Lorena Amaral, falou sobre a importância da frequência dos exames para manter a saúde da mulher. A médica também comentou a predisposição da mulher para algumas doenças como o câncer de mama, osteoporose e nódulos na tireoide.

Segundo a Lorena, o início para os cuidados da saúde feminina, além das consultas e dos exames da primeira infância com o pediatra, é na primeira menstruação.

"Após a primeira menarca [primeira menstruação], o ginecologista passa a indicar o ultrassom na região pélvica para checar se está tudo bem com os órgãos pélvicos femininos, como o útero, os ovários e a bexiga. Após isso, com a maturidade e após o início da vida sexual, o ginecologista passa a requisitar exames como o ultrassom pélvico transvaginal, para a avaliação do útero, ovários e endométrio, ajudando a identificar precocemente algumas alterações. Alguns ginecologistas começam a pedir a ultrassonografia mamária para detectar possíveis alterações em mamas jovens, como nódulos ou cistos. No climatério, a partir dos 40 anos, além dos exames já citados, outros exames começam a ser pedidos, como a mamografia, para detecção do câncer de mama. Quando a mulher começa a entrar na menopausa, os médicos começam a pedir exames como a densitometria óssea, para avaliação da densidade óssea e para checar alguma possível fratura ou osteoporose. Além da densitometria, pedem a ultrassonografia da tireoide, pois a incidência de câncer de tireoide nas mulheres é mais comum, e se for diagnosticado precocemente, as chances de cura são maiores”, detalhou.

Para manutenção da saúde, a médica indica um check-up anual. "Questionem a necessidade dos exames citados para o seu médico, pois são muito importantes para manter a qualidade de vida das mulheres”, explicou Lorena.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro