São Paulo, SP, 19/10/2019
 
16/06/2013 - 17h31m

Secretário quer evitar novos confrontos e marca reunião com líderes do "Passe Livre"

Agência Brasil/Fernanda Cruz 

São Paulo – O secretário da Segurança Pública, Fernando Grella Vieira, informou hoje (16), em entrevista coletiva, que pretende fazer uma reunião com a liderança do Movimento Passe Livre, responsável pelas manifestações que vêm ocorrendo na capital contra o aumento da tarifa do transporte público.

Grella convocou a reunião com os líderes para amanhã (17), às 10h, na secretaria. Ele disse que o objetivo maior do encontro é definir antecipadamente o percurso que será feito durante o próximo protesto, marcado também para amanhã, às 17h, a partir do Largo da Batata, na zona oeste da capital. “A Polícia Militar tem condições de planejar o trajeto com algumas horas de antecedência, para reduzir o incômodo e proteger os manifestantes”, disse.

Ele enfatizou que não quer uma repetição dos fatos ocorridos na semana passada, como o intenso confronto entre policiais e manifestantes, resultando em pessoas feridas, inclusive da imprensa. Durante a entrevista, um grupo de fotógrafos pediu ao secretário medidas para que não sejam atingidos, como ocorreu na última quinta-feira (13). O grupo sugeriu o uso de um colete com identificação de imprensa, proposta que foi aceita por Grella.

O secretário comentou também críticas de que policiais não estariam utilizando a tarjeta com identificação, atitude que impede uma punição caso sejam flagrados cometendo excessos contra a população. “[Essa] conduta será responsabilizada administrativamente, nenhum [policial] está autorizado a tirar [a tarjeta]”, disse. Grella acrescentou que espera uma manifestação pacífica e que o uso da Tropa de Choque não seja necessário.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro