São Paulo, SP, 20/09/2019
 
10/03/2015 - 17h08m

Série "Buffy, a Caça-Vampiros" completa 18 anos de lançamento

Agência Hoje  
Reprodução

São Paulo (Agência Hoje/Isabela Guiaro) - A série de sucesso “Buffy, a Caça-Vampiros”, lançada no dia 10 de março de 1997 no pequeno canal norte-americano WB Television Network, foi criada pelo roteirista, diretor e produtor Joss Whedon e conta com Sarah Michelle Gellar, Nicholas Brendon, Alyson Hannigan e Anthony Stewart Head no elenco principal.

O fato de a série ter sido lançada em uma nova emissora de TV no meio da temporada, em substituição da cancelada “Savannah”, e ter sido inspirada no filme fracassado “Buffy, a Caça-Vampiros”, de 1992, fez com que todos ficassem pessimistas quanto à renovação do contrato. O sucesso, porém, permitiu que a produção permanecesse na televisão e ajudou o canal a crescer. Ao todo, foram sete temporadas entre 1997 e 2003.

“Buffy” é considerada uma dos melhores programas já produzidos, mostrando pela primeira vez na televisão norte-americana uma personagem principal feminina forte e que quebrava completamente o conceito de sexo frágil. A história ganhou, ainda, um spin-off chamado “Angel” (1999-2004), para mostrar as aventuras do personagem fora de Sunnydale. Depois do final, em 2003, a série ganhou continuidade em quadrinhos e, hoje, está na 10ª temporada.

História

"Em toda geração há uma Escolhida. Ela deverá sozinha usar sua força para deter os vampiros, demônios e as forças das trevas. Ela é a Caça-Vampiros", diz a Profecia. Ela determina que exista apenas uma Escolhida em todo o mundo e, no momento que uma morre, outra é chamada. A Caça-Vampiros ganha automaticamente uma super força, reflexos aguçados, velocidade, resistência e recuperação rápida, além de sonhos proféticos.

Aos 15 anos, Buffy Summers (Sarah Michelle Gellar) é escolhida para lutar contra as forças das trevas. Tentando se acostumar com seu novo destino, acaba incendiando a quadra de sua escola e é expulsa, tendo que se mudar com sua mãe, Joyce Summers (Kristine Sutherland) de Los Angeles para a pequena cidade Sunnydale, onde conseguiu ser aceita em algum colégio.

Lá, conhece Rupert Giles (Anthony Head Stewart), o bibliotecário de Sunnydale High, que se apresenta como seu Observador, mandado pelo Conselho para ajudá-la com suas atividades como Caça-Vampiros. Ele é responsável por treiná-la e fazer pesquisas sobre os eventuais demônios que aparecem durante a série.

Diferentemente das outras Caçadoras, Buffy consegue manter um círculo de amigos leais: Willow Rosenberg (Alyson Hannigan), uma garota muito inteligente que, ao longo da história evolui bastante, tornando-se uma poderosa bruxa e que acaba descobrindo ser lésbica; e Xander Harris (Nicholas Brendon), que traz um tom cômico para aliviar os momentos de tensão e que mesmo sem nenhum poder sobrenatural vai à luta várias vezes para ajudar sua amiga.

Ainda na escola conhece Cordelia Chase (Charisma Carpenter), uma líder de torcida rica, mimada e popular que, por estar no lugar errado e na hora errada, descobre que Buffy é uma Caça-Vampiros. Por conta disso, participa de algumas lutas e entra para o grupo de amigos, mais tarde apelidado de “Scooby Gang”.  Buffy também encontra Angel (David Boreanaz), um jovem que sempre aparece misteriosamente avisando-a sobre algum perigo. Em pouco tempo ela se apaixona por ele, mas descobre que ele é, na verdade, um vampiro com uma alma, pois foi amaldiçoado por ciganas, para que ele sinta remorso de todas as barbaridades que cometeu.

Durante a primeira temporada da série são introduzidos, também, a vampira Darla (Julie Benz) e a professora de computação Jenny Calendar (Robia LaMorte), descendente das ciganas. Já na segunda, conhecemos a nova Caça-Vampiros Kendra (Bianca Lawson), o lobisomem Oz (Seth Green), e os vampiros Spike (James Masters) e Drusilla (Juliet Landau), que juntos com Darla e Angel, no século XIX, formavam o grupo aterrorizador "The Fanged Four".

Na terceira, entra para a trama uma outra Caça-Vampiros, Faith (Eliza Dushku), e a ex-demônia da vingança Anya Jenkins. O soldado Riley Finn (Marc Blucas) e a bruxa Tara Maclay (Amber Benson) chegam na quarta temporada e, na quinta, somos apresentados à irmã mais nova de Buffy, Dawn Summers (Michelle Trachtenberg).

Cada temporada tem um Grande Mal a ser combatido: o Mestre dos vampiros, na primeira temporada; Angelus, a forma sem alma de Angel, na segunda; o Prefeito, que pretende ascender um demônio, na terceira; a professora Maggie Walsh e o monstro Adam, na quarta; a deusa Glory, na quinta; Willow, que se tornou uma bruxa malvada em consequência das ações de O Trio, na sexta; e O Primeiro [Mal], na última temporada.

Spin-off “Angel”

No final da terceira temporada, Angel resolve se mudar para Los Angeles, para deixar que Buffy encontre um amor que possa dar a ela o que ele não pode. Lá, se junta com Doyle (Glenn Quinn), um meio-demônio com visões que mostram pessoas em perigo, e Cordelia, que foi para a cidade tentar ser atriz, mas não conseguiu o que queria. Juntos, eles ajudam os necessitados, lutando contra forças sobrenaturais.

Ainda no começo primeira temporada, Doyle morre e entra em seu lugar Wesley Windam-Prize (Alexis Denisof), que participou da terceira temporada de Buffy, como seu Observador, após Giles ter sido demitido pelo Conselho. Entra para o grupo, também, Charles Gunn (J. August Richards), um jovem que caça vampiros, Lorne (Andy Harnett), um demônio cantor e Fred Burkle (Amy Acker), uma resgatada de uma das dimensões do inferno.

Alguns personagens de “Buffy” fizeram participações especiais, como a própria Buffy, Oz, Willow, Faith, Drusilla, Darla e Spike, que se tornou regular na quinta e última temporada de Angel. Além deles, Harmony (Mercedes McNab), uma das estudantes de Sunnydale High transformada em vampiro, trabalhou para Angel.

Top 10 episódios

Todas as séries possuem aqueles episódios que marcaram os telespectadores, e com "Buffy" não é diferente. Em todas as temporadas encontramos pelo menos um que ficou na memória da maioria dos fãs. Confira alguns favoritos:

1x12 – Prophecy Girl

Buffy descobre através de uma profecia que ela deve descer para enfrentar o Mestre dos vampiros e morrer. Ela tenta desistir, mas vai mesmo assim, aceitando seu destino. Ela morre, mas Xander e Angel chegam a tempo de fazer respiração boca a boca e salvá-la. Buffy, então, mata o Mestre.

2x17 – Passion

Depois que Angel perdeu sua alma, ele voltou a ser malvado. Jenny sente-se parcialmente culpada por isso e resolve fazer um feitiço para restaurá-lo. Porém, Angel descobre e a persegue até matá-la. Depois disso, a colocou na cama de Giles, que era apaixonado por ela, e enfeitou toda a casa para dar um clima romântico.

2x21 e 22 – Becoming

Angelus está tentando abrir um portal do inferno para liberar o demônio Acathla. Se aberto, a única maneira de fechá-lo é matar quem o abriu. A mãe de Buffy descobre que ela é a Caça-Vampiros. Spike faz um acordo com Buffy para deixá-lo fugir com Drusilla, e em troca ele a ajuda a deter Angel. Willow continua o feitiço de Jenny, mas era tarde demais: o portal havia sido aberto. Buffy é obrigada a matar o amor de sua vida para salvar o mundo. Depois disso, foge de casa.

3x09 – The Wish

Depois que Cordelia terminou o namoro com Xander, a demônia da vingança Anyanka aparece. Sem perceber, Cordelia deseja que Buffy nunca tivesse aparecido, e ele é realizado. Ela é, então, levada a um mundo alternativo onde vampiros tomaram conta de Sunnydale. Cordelia não entende exatamente o que está acontecendo e é atacada. Antes de morrer, diz a Giles que não era para acontecer isso e que Buffy deveria estar lá. Ele, então, encontra uma maneira de chamar Buffy e fazer tudo voltar ao normal. Anya, porém, fica presa no corpo de humana.

4x10 – Hush

Monstros de contos de fadas, conhecidos como The Gentleman, chegam à cidade e roubam as vozes de todos os habitantes. Durante a noite, eles visitam casas e retiram o coração das pessoas, sendo que eles necessitam juntar sete. No episódio, em sua maioria mudo, Buffy tenta combatê-los, mas a única maneira de matá-los é com o som de uma voz humana. Ela consegue encontrar a caixinha onde estavam guardadas as vozes e acabar com os monstros.

5x16 – The Body

O episódio, sem cenas de ação e casos sobrenaturais, mostra a morte da mãe de Buffy e Dawn. Ele é, em sua maioria, silencioso e é considerado um dos momentos mais tristes da televisão norte-americana. Esta é a primeira vez que Anya, ex-demônia, entende a fragilidade humana.

 

6x07 – Once More, With Feeling

Um feitiço faz com que todos os moradores de Sunnydale comecem a cantar e dançar. Em estilo musical, a “Scooby Gang”, como é chamado o grupo de amigos de Buffy, tentam encontrar um jeito de fazer a cidade parar de cantar sobre tudo: de sentimentos à felicidade por a lavanderia ter tirado a mancha de mostarda da camisa, passando pelo fato de que coelhos são criaturas do mal.

6x08 – Tabula Rasa

A Scooby Gang está na loja de artigos mágicos quando um feitiço de Willow faz efeito, fazendo com que todos caiam no sono. Quando acordam, perderam a memória. Willow e Xander pensam que são namorados, Spike pensa que é filho de Giles, que por acaso pensa que é noivo de Anya. Buffy não sabe que é uma Caça-Vampiros e Spike também não sabe que é um vampiro.

7x22 – Chosen

O último episódio da série mostra a batalha final de Buffy contra O Primeiro, que representa o criador do mal. Ela pede para Willow fazer um feitiço e transferir seu poder de Caça-Vampiros para todas as que tinham um potencial para ser uma. Assim, todas as Potenciais que haviam sido recrutadas se tornaram poderosas e, juntas, conseguiram vencer a batalha.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro