STF mantém prisão do ex-deputado André Vargas por unanimidade; desvio de dinheiro - Hoje São Paulo
São Paulo, SP, 19/08/2018
 
03/08/2016 - 00h12m

STF mantém prisão do ex-deputado André Vargas por unanimidade; desvio de dinheiro

Agência Brasil/André Richter 

Brasília - Por unanimidade, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) negou nesta terça-feira (2) pedido de defesa para soltar o ex-deputado federal André Vargas, condenado em uma das ações penais da Operação Lava Jato. Vargas está preso desde abril do ano passado no Complexo-Médico Penal em Pinhais, região metropolitana de Curitiba.

Seguindo voto do relator, ministro Teori Zavascki, o colegiado entendeu que, apesar do longo tempo de encarceramento, não é possível substituir a prisão preventiva por medidas cautelares, como recolhimento domiciliar e uso de tornozeleira eletrônica. Segundo o relator, há risco de Vargas voltar a cometer crimes de lavagem, sendo que os valores desviados ainda não foram recuperados.

Além de Zavascki, mantiveram a prisão de André Vargas os ministros Dias Toffoli, Cármen Lúcia, Celso de Mello e o presidente da Turma, Gilmar Mendes.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro