São Paulo, SP, 17/09/2019
 
27/06/2016 - 11h22m

Técnico do Guarani critica regulamento da Série C do Brasileirão

Portal EBC 
Divulgação/Rafael Silva
Treinador fez críticas ao regulamento da competição
Treinador fez críticas ao regulamento da competição

Brasília - O técnico do Guarani, Marcelo Chamusca, foi o convidado do programa Bate Bola Nacional desta sexta-feira (24). Em entrevista para a Rádio Nacional do Rio de Janeiro, o treinador falou da campanha do Bugre no Brasileirão Série C e também fez críticas ao regulamento da competição.

O Guarani é líder invicto do Grupo B da Série C com 13 pontos, tendo quatro vitórias e um empate. Marcelo Chamusca diz que o time foi remontado após a desclassificação ainda na primeira fase da Série A2 do Paulistão. “A gente vem sendo eficiente com um encaixe a partir de uma mescla de jogadores novos com experientes, que tem feito o Guarani um time forte e competitivo”, afirmou. Na segunda (27), o Guarani enfrenta a Portuguesa no Canindé, em São Paulo.

A Série C é divida em dois grupos de 10 times, que jogam entre eles na primeira fase e depois definem as finais em jogos de mata-mata. Para o treinador do Guarani, o regulamento é injusto e deveria ser definido pelos times que tivessem mais regularidade e organização, como acontece na Série A e B. “Sou totalmente contra este regulamento, acho que é um equívoco, fazer 18 jogos e depois, em 180 minutos apenas, você colocar em risco o futuro e acesso do clube para o ano seguinte”, desabafou.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro