São Paulo, SP, 20/09/2019
 
01/09/2015 - 18h17m

Vendas de ingressos para o Lollapalooza 2016 já estão abertas

Agência Hoje  
Reprodução

São Paulo (Agência Hoje/Isabela Guiaro) - A partir do dia 2 de setembro os ingressos para a edição 2016 do festival de música Lollapalooza, que acontece em 12 e 13 de março, podem ser adquiridos a partir do site da Tickets For Fun ou nos pontos de venda oficiais, a partir das 10h.

Por enquanto, só é possível comprar o Lollapass, que dá direito aos dois dias de show. O primeiro lote custa R$660 (inteira) e R$330 (meia). O segundo lote custa R$740 e R$370. Vale lembrar que pelo site e pelos pontos há taxa de conveniência de 20%, exceto em compras efetuadas no Citibank Hall, em São Paulo.

O pacote Lolla Lounge dá direito a uma van até o Autódromo, open e snack bar, buffet de jantar, área de relax e spa de massagens, banheiros exclusivos, guarda volumes e chill out de 1 hora após o término do último show. O serviço sozinho custa R$900 e não inclui o ingresso. Há, também, o Lolla Day, que ainda não tem informações de preço divulgadas e é para apenas um dia.

Alguns artistas já foram confirmados para a edição de 2016. O rapper Eminem é um dos headliners, enquanto Marina & the Diamonds, Florence + The Machine, Haim, Tame Impala, Noel Gallagher e Alabama Shakes também estão na lista. Não foi divulgado, porém, em qual dia cada um destes irá performar.

SERVIÇO

Compra online

Pelo site.

Bilheteria Oficial – Sem taxa de conveniência

Endereço: Citibank Hall – Av. das Nações Unidas, 17.955 – Santo Amaro – São Paulo (SP) Diariamente, das 12h às 20h.

Locais de venda – com taxa de conveniência

Pontos de venda.

Central Tickets For Fun

Por telefone: 4003-5588 (válido para todo o país), das 11h às 17h – segunda a sexta. Pela Internet: www.ticketsforfun.com.br

Formas de pagamento

Dinheiro; cartões de crédito MasterCard, American Express, Visa e Diners; cartões de débito Visa Electron e MasterCard débito.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro