São Paulo, SP, 23/09/2019
 
10/05/2016 - 10h04m

Venezuela: serviços públicos fecham para poupar energia elétrica

Agência Lusa 
Agência Brasil
Serviços públicos vão continuar fechados até pelo menos 27 de maio
Serviços públicos vão continuar fechados até pelo menos 27 de maio

Caracas -  O governo venezuelano anunciou nesta terça-feira (10) que os serviços públicos vão continuar fechados às quartas, quintas e sextas-feiras até pelo menos 27 de maio, para poupar energia elétrica.

"A partir da próxima semana será prorrogado por mais duas semanas o regime especial de dias não trabalhados. A administração pública garantirá os serviços básicos ao povo", disse o governador do estado venezuelano de Arágua.

O anúncio foi feito no Palácio de Miraflores, em Caracas, sede da Presidência da Venezuela. A administração pública funcionará apenas às segundas e terças-feiras e às sextas-feiras as escolas também permanecerão sem aulas.

A medida, acrescentou, tem como objetivo conter a queda do nível de água nas barragens, principalmente na de El Guri, a maior do país, fortemente afetada pela seca provocada pelo fenômeno meteorológico El Niño.

Em 26 de março deste ano, o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou que os serviços públicos do país ficariam fechados às quartas, quintas e sextas-feiras, durante duas semanas, para poupar energia.

Maduro disse que a Venezuela está sendo afetada fortemente pelo calor e por uma seca extrema, que fez descer o nível das águas das barragens. "Temos tido dois anos de seca, os mais trágicos da história, resultado do [fenômeno climático] El Niño", disse.

O presidente venezuelano informou que foi criada uma comissão especial para discutir a situação e as medidas a serem adotadas.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro