São Paulo, SP, 24/06/2018
 
07/08/2016 - 13h56m

Ventos de 60 quilômetros causam danos na Barra e na Lagoa e cancelam prova de remo

Agência Brasil/Nielmar de Oliveira 

Rio de Janeiro - Ventos fortes atingiram na manhã de hoje (7) a região onde fica o Parque Olímpico, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro, assustando as pessoas e danificando parte da estrutura do parque.

A ventania também atrapalhou as competições de remo na Lagoa Rodrigo de Freitas. As provas previstas para as 8h30 e 10h30 foram canceladas. Os picos de ventos de rajados, segundo o Instituto Nacional de meteorologia (Inmet), chegaram a 60,5 quilômetros por hora em Copacabana.

Segundo o meteorologista Almeirino Marinho, do Inmet, a previsão do tempo já apontava para a presença ventos de rajadas na manhã de hoje, mas com velocidade moderada. "Na previsão do tempo já tinha vento de rajada, mas, só na previsão de agora de manhã, é que pudemos perceber a intensidade”. De acordo com Marinho, a previsão é que amanhã (8) o vento mude a direção e fique mais calmo.

No Parque Olímpico, o vento forte começou por volta das 10h30, derrubou a tela que protege a parte externa do parque e provocou correria entre as pessoas em busca de abrigo. Parte de tela de proteção Estádio Aquático, onde estão sendo disputadas as provas de natação, foi rasgada. Os organizadores ainda não fizeram um levantamento dos estragos causados pela ventania.

Hoje São Paulo

© 2012 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro