São Paulo, SP, 19/05/2024
 
05/11/2014 - 16h39m

Casa da Moeda fará as medalhas olímpicas e paralímpicas para 2016

Agência Brasil/Vladimir Platonow 
Reprodução
Medalhas Olímpicas/Olimpíadas Londres 2012 (Comitê Olímpico Internacional)
Medalhas Olímpicas/Olimpíadas Londres 2012 (Comitê Olímpico Internacional)

Rio de Janeiro - As medalhas de ouro, prata ou bronze, que estamparão o peito dos melhores atletas do mundo nas Olimpíadas e Paralimpíadas de 2016, serão feitas pela Casa da Moeda. A notícia foi divulgada na segunda-feira (3), após a assinatura de contrato e entre o presidente da Casa da Moeda, Francisco Franco, e do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos, Carlos Arthur Nuzman.

No total, serão 4.924 medalhas de premiação e 75 mil de participação. Em alusão ao compromisso dos Jogos Olímpicos com a sustentabilidade, além dos metais preciosos, as medalhas atletas terão uma porcentagem de materiais resultantes da reciclagem de equipamentos eletrônicos.

A Casa da Moeda também fornecerá diplomas de premiação, certificados de autenticidade das peças, participação e comemorativos. Em 2011, a instituição produziu as medalhas distribuídas nos Jogos Mundiais Militares. Em 2007, fabricou as do Pan-Americanos e Parapan, ambos realizados no Rio de Janeiro.

Nas Olimpíadas e Paralimpíadas serão, respectivamente, 306 e 528 provas com medalhas. Para incentivar colecionadores, a Casa da Moeda fabricará medalhas comemorativas das Olimpíadas.

Hoje São Paulo

© 2024 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro