São Paulo, SP, 18/05/2024
 
28/06/2014 - 17h16m

Mais de 60 mil pessoas comemoram vitória do Brasil na Fifa Fan Fest em São Paulo

Agência Hoje* 
Agência Brasil/Marcello Casal Jr
Torcedores brasileiros comemoram vitória nos pênaltis contra seleção do Chile
Torcedores brasileiros comemoram vitória nos pênaltis contra seleção do Chile

São Paulo (Agência Hoje*) - Torcedores brasileiros, entusiasmados com a passagem da seleção para as quartas de final, estão comemorando o resultado na área destinada ao Fifa Fan Fest e também nas ruas do centro de São Paulo. Mesmo com uma vitória conseguida nos pênaltis, todos gritam e pulam de alegria.

Os jogadores mais lembrados são Júlio Cesar, que pegou dois pênaltis e foi decisivo no resultado final, David Luiz e Hulk, considerado o melhor em campo. As comemorações ocorrem dentro da área do Fifa Fan Fest e também do lado de fora, incluindo grandes trechos do Vale do Anhangabaú, Viaduto do Chá e ruas próximas.  

A estimativa sobre a quantidade de torcedores presentes é da Polícia Militar (PM). Muitas pessoas ficaram frustradas por não conseguir entrar no espaço e tiveram que improvisar com as TVs dos bares do entorno da festa oficial. Outros desistiriam de acompanhar a partida a cada lance e estão nas ruas aguardando amigos.

É o caso da auxiliar de limpeza Elizabeth Mesquita, 51 anos, que veio pela primeira vez ao local com a família. “Chegamos às 12h30, mas já não dava. Agora estamos aqui fora e desistimos de ver o jogo”, declarou. Ela ficou próxima a um bar na Avenida São João, mas a TV, que estava virada para a rua, não foi suficiente para as pessoas que se aglomeravam na entrada.

A grande movimentação do entorno, no entanto, não provocou tumultos, de acordo com a PM. Além da partida, os que conseguiram entrar na festa da Fifa puderam assistir ao show Baile do Simonal, projeto de Max de Castro e Simoninha, filhos de Wilson Simonal. Às 17h, começou a transmissão do confronto entre Colômbia e Uruguai.

As colegas de trabalho Janaína Valéria, 23 anos, e Amanda Araújo, 21 anos, nem sequer tentaram entrar na Fan Fest. “Trabalhamos aqui do lado, mas já sabemos que lá está impossível. Preferimos ficar aqui do lado de fora”, relatou Janaína. Logo após o jogo, ela retornou ao trabalho na empresa de telemarketing. “Não acho ruim, porque não estou torcendo para o Brasil. Prefiro o Uruguai”, disse.

Pela terceira vez, Sílvia Cosme, 46 anos, tenta ver o jogo de dentro da Fan Fest. “Gosto muito de ver o jogo no centro. É muito animado, mesmo aqui fora”, relatou, contorcendo-se para enxergar a pequena TV de um dos bares do entorno. A “meio chilena e meio brasileira” Laissa Soule, 33 anos, como ela mesma se define por ser filha de um chileno, preferiu não ver o jogo. “Estou em dúvida. Queria que os dois entrassem, mas não vai dar”, disse, também do lado de fora da festa da Fifa.

* Com informações da Agência Brasil

Hoje São Paulo

© 2024 - Hoje São Paulo - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare e Rogério Carneiro